Noivos plantam 87 árvores para compensar o carbono emitido pelo casamento

Noivos plantam 87 árvores para compensar o carbono emitido pelo casamento

Categoria(s): Arquivo

Publicado em 07/04/2016

Na saúde e na doença. Na alegria e na tristeza. Por que escolhemos casar? Porque queremos somar. Escolher ser da família uma pessoa que nos faz sentir bem, aceita como nós somos e traz a sua personalidade ajudando a nos tornar, cada dia, uma pessoa melhor. Porque queremos dividir o presente com quem partilhamos nossa intimidade e até as brigas para saber quem fez mais os trabalhos domésticos. Construir um caminho juntos de mãos dadas para que, no futuro, possamos colher os frutos dessa união. Para isso, precisamos semear agora. Foi o que fizeram Mariana Bombonato Moraes e Roberto Nascimento Jordão.

Eles casaram no fim de 2015, em São Paulo. Entre os investimentos da festa para cerca de 250 pessoas, decidiram incluir a compensação das emissões do evento por meio do Programa Carbon Free, da Iniciativa Verde. “Dentro do orçamento de uma festa, as externalidades também precisam ser contabilizadas. A poluição produzida na nossa festa é de nossa responsabilidade”, conta Mariana Bombonato Moraes. A maior parte das emissões, neste caso, foi decorrente do transporte. Elas totalizaram 13,65 toneladas de gases de Efeito Estufa. Convertendo esse valor para árvores nativas, significa que 87 mudas de Mata Atlântica já foram plantas em Extrema (MG).
 
Como no “efeito borboleta”, um evento para celebrar o amor e a união resultou no plantio de árvores nativas no município que abastece o Sistema Cantareira e, consequentemente, ajudará a garantir água e de melhor qualidade para a região onde a festa foi realizada. Todos que estiveram presentes durante o “sim” irão se beneficiar, mais uma vez, deste belo momento. E, juntos, os dois estão ajudando a preservar não apenas o seu futuro, mas o de todos que habitam este planeta. Vamos celebrar o amor.

Veja, na entrevista que Mariana deu para a Iniciativa Verde, como suas atitudes são exemplos de como preservar o meio ambiente.

Iniciativa Verde (IV) - Como conheceu a Iniciativa Verde?
Mariana Bombonato Moraes - Conheci por meio de um amigo ambientalista, mas já tinha ouvido falar, acho que por trabalhar no setor social, o nome já tinha circulado.

IV - Quando surgiu a ideia de fazer a compensação do casamento?
Mariana - Sempre que vou a grandes eventos, fico pensando quais ações poderiam ter sido feitas para evitar o lixo, o consumo, o gasto de energia e outros desperdícios. Quando decidimos fazer uma festa de casamento, achamos que seria uma oportunidade de colocar em prática ações por uma festa mais ecológica, com convite feito de papel semente, plantas de vaso para as pessoas levarem e etc. Na lista de cuidados com a festa, esse era fundamental.

IV - Qual a importância dela?
Mariana - Compensar as 13 toneladas de emissão de carbono, que foi o quanto emitimos na festa, plantando mais de 80 árvores na mata atlântica é uma forma de se aliar na luta para evitar o aquecimento global, comprometer-se com o meio ambiente e o mundo que vivemos, e se posicionar, mostrando que dentro do orçamento de uma festa, as externalidades também precisam ser contabilizadas. A poluição produzida na nossa festa é de nossa responsabilidade.

IV - Como você comunicará para os convidados?
Mariana - Aos convidados não, mas vou fazer uma matéria para o Brasil Post e também um blog de noivas sobre as ações, principalmente essa.

IV - O que mais você faz para preservar o meio ambiente?
Mariana - Evito banhos longos, dou preferência absoluta para orgânicos e produtores locais, nos supermercados evito sacolas plásticas e quando faço compras para mim, peço sem embalagem. Além disso, atualmente substitui meu carro por uma bicicleta :)

IV - Quer deixar algum recado para os leitores e outras pessoas fazerem a sua parte?
Mariana - Assim como nos responsabilizamos por nossas ações em relação a outras pessoas, devemos fazer o mesmo com a natureza. Se você quer fazer alguma diferença no mundo, comece pelos atos do dia a dia.

  • 699 Hectares Reflorestados
  • 114.119 Toneladas de CO² compensados
  • 911 Empresas